Aracatu: Idosa é morta após ser roubada e violentada sexualmente

Segunda / 25 Nov 2013 / 00h00
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

Um crime bárbaro foi registrado na noite do último domingo (24), na Fazenda Riachão, zona rural que faz divisa entre os municípios de Brumado e Aracatu. Doralice Maria de Jesus, uma idosa de 79 anos foi agredida, violentada e morta durante um assalto. Segundo informou a Polícia Militar, por volta das 20h, dois bandidos invadiram a propriedade de um casal de lavradores e exigiram dinheiro. Como na casa só havia R$ 80, os criminosos agrediram o casal e em seguida os amarraram.

Durante a fuga, os marginais teriam percebido que a mulher havia conseguido se desamarrar e estava tentando soltar o marido. Os bandidos então retornaram para a residência e violentaram e mataram a idosa. Em depoimento à polícia, o marido, o senhor Geracino Antônio de Souza disse que a esposa foi violentada sexualmente na sua frente e depois levada para o quarto, onde os bandidos a mataram. Os marginais ainda ameaçaram matar o lavrador, mas não o fizeram e fugiram.

Depois de encontrar a esposa morta com uma corda no pescoço, o idoso de 80 anos acionou a polícia uma hora mais tarde, quando conseguiu chegar à casa do vizinho mais próximo, que fica há 8 km de distância. “Vi a cena mais deplorável e humilhante de toda minha vida como policial. Fiquei abalado com o ato covarde e com a maneira como o crime foi cometido. Fizemos patrulhamento debaixo de chuva até as 2h da madrugada, mas não encontramos os animais que fizeram essa atrocidade”, contou um policial do Pelotão Especial da 34ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) à nossa reportagem. O corpo de Doralice foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Brumado para ser necropsiado. Já o marido precisou receber cuidados médicos, pois ainda está em choque. O crime chocou a população dos dois municípios.

 

Brumado Noticias