voltar ao topo

iCaetité

últimas notícias:

Caetité: homem vende carro e cai no golpe do depósito bancário falso

Festa de Sant’Ana 2017: um festival de fé, cultura e alegria em Caetité

Jovem é preso suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas em Caetité

Mais de 100 carros de boi participam de desfile em Caetité

Jovem é preso por tráfico de drogas em Bom Jesus da Lapa

Feira de Santana: Apostadores ateiam fogo em carros após suspeita de fraude em bingo

Carinhanha: casa foi tomada pelas chamas; proprietário suspeita que incêndio tenha sido criminoso

Riacho de Santana: Moto roubada é recuperada pela Polícia Militar

Jovem comete suicídio na zona rural de Carinhanha

Riacho de Santana: Homem morre em grave acidente na BR-430

FHC nega ‘acordão’ contra Lava Jato e defende diálogo “às claras” sobre crise

Campanha de vacinação contra gripe começa nesta segunda-feira

Bahia: 15 casos suspeitos de febre amarela são notificados em oito municípios

Prefeitura de Guanambi renova convênio de concessão do terminal rodoviário

Brumadense preso em Guanambi é alvejado por policiais ao tentar fugir da custódia

Caetité: Álvaro Montenegro é homenageado em Salvador com 'Medalha Tiradentes'

Bom Jesus da Lapa: Dupla atira e mata adolescente confundido com criminoso

Temer negociou propina de US$ 40 milhões para PMDB, diz delator

Homem comete suicídio por enforcamento na zona rural de Matina

Vacinação contra a gripe Influenza começa na próxima segunda-feira (17), em Guanambi

Resultado da busca pela categoria "Mundo"

China: Justiça executa professor que abusou de 26 crianças

Domingo / 31 Mai 2015 / 11h08
Foto: Reprodução.

O professor chinês Li Jishun foi executado após sentença do Supremo Tribunal Popular da China. O professor foi condenado pelo estupro de 21 crianças e abuso de outras cinco, entre 4 e 11 anos, na provincia de Gansu, entre 2011 e 2012. O professor cometeu os crimes nas salas de aula, nos dormitórios e na floresta. O criminoso procurava por crianças "jovens e tímidas". O Tribunal considerou que Jishun representava um risco para a sociedade após a série de crimes no período de 1 ano.
 

Idoso de 101 anos é resgatado vivo uma semana depois do terremoto

Domingo / 03 Mai 2015 / 14h07
Foto: STR / AFP

Apesar da escassez de chances de sobrevivência para os soterrados após o terremoto no Nepal, um idoso com mais de 100 anos foi resgatado com vida sob os escombros de sua própria casa. De acordo com a Agência Efe, o ancião Funchu Tamang foi retirado no sábado de sua casa no distrito de Nuwakot, e está no hospital. Ele teve apenas leves ferimentos. Este novo "milagre" se une a outros ocorridos durante os últimos dias e ocorre quando nem os mais otimistas esperavam encontrar vida sob as edificações destruídas. A contagem de vítimas do terremoto, que atingiu o país no dia 25 de abril, ultrapassa 7 mil mortos e 14 mil feridos. O terremoto registrado foi o pior dos últimos 80 anos. Deixou 2,8 milhões de nepaleses desabrigados, representando 10% da população de 28 milhões de habitantes, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU).

Nepal alerta para colapso hospitalar; número de mortos passa de 2.400

Domingo / 26 Abr 2015 / 14h23
Foto: Prakash Mathema / AFP

Após o forte terremoto que atingiu o Nepal e países vizinhos neste sábado (25), socorristas tentam neste domingo encontrar sobreviventes. De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos, o recente tremor teve 7,8 graus de magnitude. O governo nepalês afirmou que 2.430 mortes foram confirmadas no país. Além disso, há 5.800 feridos. Considerando as vítimas em todos os países atingidos pelo incidente o número supera 2.500. Segundo a agência de notícias Reuters, milhares de pessoas passaram a noite ao relento, com medo de voltar para suas casas, danificadas pelos tremores, ou porque elas já não existem mais. Os hospitais, cujos suprimentos médicos têm se tornado cada vez mais escassos, continuam recebendo feridos e, acima de tudo, corpos retirados das montanhas de escombros. A destruição e o número de mortes faz deste terremoto o mais mortífero no país em 81 anos. O forte tremor destruiu milhares de casas e prédios históricos, e desde a manhã de sábado, quando aconteceu o tremor principal, o país já sofreu pelo menos 35 réplicas de entre 4 e 6,7 graus.

Terremoto no Nepal deixa mais de 1.800 mortos

Sábado / 25 Abr 2015 / 23h47
Fotos: Narendra Shrestha/Ef

Um terremoto de 7,8 graus de magnitude atingiu o Nepal neste sábado (25) e deixou pelo menos 1.805 mortos e quase cinco mil feridos. A estimativa é de que o número de vítimas seja ainda maior, devido à devastação na região da capital, Katmandu. De acordo o Escritório das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários, 30 dos 75 distritos foram atingidos. O tremor obrigou o país a declarar estado de emergência e afetou pelo menos 4,6 milhões de pessoas. Segundo o Itamaraty, não há, até o momento, informações sobre brasileiros entre mortos. O terremoto foi o mais violento a atingir o Nepal em 81 anos. Segundo meios de comunicação locais, o tremor durou entre 30 segundos e dois minutos, mas foi seguido de dezenas de réplicas. Além do Nepal, o terremoto foi sentido em partes da Índia, da China, do Paquistão e em Bangladesh.

Estudos mostram benefícios da maconha para combater o câncer

Sábado / 11 Abr 2015 / 13h54
Foto: Agência O Globo

Nesta sexta-feira (10), o Governo dos Estados Unidos publicou um relatório reconhecendo o valor da maconha no tratamento do câncer. O país já permite a comercialização da erva para fins medicinais. Segundo o relatório, baseado em um estudo da Universidade de Londres, o uso de canabidiol (CBD) e tetrahidrocanabinol (THC) — duas substâncias canabinoides presentes na maconha — inibem o glioma, tipo de câncer do cérebro. Um dos efeitos mais conhecidos do público e também com bases científicas mais fortes é o de canabinoides no alívio de sintomas da quimioterapia. No Brasil, o canabidiol foi liberado para tratamentos de epilepsia após uma longa batalha das famílias dos pacientes. Já o dronabinol pode ser importado com receita especial, embora não seja uma prática difundida. 

Copiloto do A320 teve intenção de 'destruir o avião', diz promotor

Quinta / 26 Mar 2015 / 09h17
Foto: Thomas Koelher

O promotor de Marselha Brice Robin anunciou nesta quinta-feira (26) que as investigações apontam para um ato voluntário do copiloto para derrubar o Airbus 320 da Germanwings na última terça-feira (24). O avião caiu com 150 pessoas a bordo nos Alpes franceses. Em entrevista coletiva, o promotor confirmou a informação de que um dos pilotos deixara a cabine momentos antes da queda, sem conseguir retornar, tendo ficado trancado do lado de fora. Segundo ele, tudo indica que o copiloto "tomou um ato voluntário" para derrubar o avião. "O copiloto queria destruir o avião", afirmou. Alarmes teriam soado enquanto o piloto, trancado para fora da cabine, batia na porta, disse o promotor. O piloto foi identificado como Andreas Lubitz, um alemão de 28 anos. "Quando há 150 pessoas a bordo do avião, isso não pode ser chamado de suicídio", declarou.

Mundo: Avião cai no sul da França com 150 a bordo

Terça / 24 Mar 2015 / 13h10
Foto: Arquivo/Daniel Naupold/DPA/AFP

Um Airbus A320 da companhia Germanwings, da Lufthansa, que transportava 150 pessoas, incluindo seis tripulantes, entre Barcelona e a cidade alemã de Dusseldorf caiu nesta terça-feira (24) nos Alpes franceses. A aeronave caiu a 2 mil metros de altitude. O presidente francês, François Hollande, disse que não há sobreviventes, segundo a agência Associated Press. De acordo com o porta-voz do Ministério do Interior da França, Pierre-Henry Brandet o avião enviou um sinal de socorro antes da queda. Destroços da aeronave foram encontrados na região de Barcelonnette (sudeste da França). No momento do acidente, as condições climáticas eram boas. 

Equipes de resgate chegam próximo ao local do acidente (Foto: AFP)